sábado, 23 de julho de 2011

Tira do Euricéfalo nº 783: Manchete


(Verdade, achei mesmo esta revista no meio das minhas coisas, puts!)
É, para me mudar joguei muita coisa fora. O que me lembra a letra de "Tendo A Lua" (Os Paralamas do Sucesso) que diz:
"Eu hoje joguei tanta coisa fora.
Eu vi o meu passado passar por mim.
Cartas e fotografias, gente que foi embora.
A casa fica bem melhor assim."

7 comentários:

  1. Tem que ver isso aí, heim? Tenho medo de mexer na mala que fica em cima do meu armário: não abro ela há uns 6 anos (e deve ter revistas de uns 15 anos atrás, pelo menos)... Mania da minha mãe de ficar recolhendo revistas com o pretexto de que podem ajudar na escola.

    ResponderExcluir
  2. ja coloquei seu banner no meu blog, entra no meu e escolha o banner que desejar www.chavestrol.blogspot.com

    me avise quando colocar o meu banner em teu blog ;)

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho tanta dó de jogar coisas foras =[
    eu guardo um monte de coisa aqui que eu deixo no fundo do baú pegando pó @_@

    Tipo brinquedos de quando eu era bem pequeno, gibis e revistas beeeem antigos (que eu nem leio mais) e até canetas que não funcionam mais o.o

    Acontece que eu tenho uma mania estranha de colecionar canetas que eu acho bonitas .-.' aí depois que acabam eu fico com dó de jogar fora, então eu deixo na gaveta @_@

    Meu pai só falta me matar por causa disso -q

    ResponderExcluir
  4. Eu concordo com o Math, tenho dó de jogar meus brinquedos do Mc Donalds, mesmo que eles sejam chatos e eu nem brinco mais com eles!

    ResponderExcluir
  5. eu não mecho em minhas revistas pornês velhas...

    ResponderExcluir
  6. Joguei cerca de 95% da minha coleção de gibis fora, e, acreditem, era muuuita coisa.

    Joguei também mais da metade dos móveis da minha casa (não caberiam todos na casa nova e nós estamos pensando em renovar tudo com o tempo, seria uma ótima oportunidade).

    Quanto aos gibis, não me arrependo muito porque me convenci de que "se eu não mexo neles há anos, é porque eu não preciso deles (ou não sinto falta)", não vou sentir falta, se já não mexia neles quando eu podia...

    ResponderExcluir

A seção de comentários é para comentar, não é o grande outdoor de anúncios gratuitos. Respeite!
Pedidos de parceria são aceitos, propagandas não.